Arquivo da tag: rolling stones

22/01/2015_12:40

por IGOR FIDALGO

Até ontem, o Foo Fighters só tinha se apresentado no Brasil em festivais. Mas com a turnê de “Sonic highway”, álbum mais recente da banda liderada por Dave Grohl, eles fizeram a sua estreia solo no País, com um espetáculo que ebuliu Porto Alegre durante três horas.

Mas quem é fã de FF, já está acostumado com shows longos. Afinal, quem não lembra da lendária apresentação do Lollapalooza de 2012? Se você é um dos esquecidos, relembre assistindo o vídeo abaixo, um achado no YouTube que registra as explosivas 2 horas e meia de performance.

O show em Porto Alegre contou com o mesmo número de canções de 2012 (26), sendo que em “Sonic highway” a banda faz uma série de covers — que, diga-se de passagem, incendiou ainda mais o público de 30 mil pessoas. Para você que estará amanhã no Estádio do Morumbi, montamos um aperitivo histórico: a lista abaixo reúne os clipes originais de músicas de outros ícones do rock que Dave Grohl e cia revisitam nesta turnê.

Em “Cold day in the sun” (música de “In your honor”, de 2006), Dave Grol começa um momentinho jam session e puxa um cover de “Daft Punk is playing in my house”, do LCD Soundsystem.

Em seguida, o baterista Taylor Hawkins toma conta dos vocais e canta “Another one bites the dust”, do Queen.

Depois de um bloco de hits pontuado por “I’ll stick around”, “Monkey wrench” e “Times like these”, o Foo Fighters abre uma série de covers com “Detroit rock city”, do Kiss.

Seguem com “Miss you”, do Rolling Stones (que a ELLUS ama).

Terminam o set de versões com “Under pressure”, mítico dueto de Queen e David Bowie gravado em 1981. Abaixo, o manifesto político que leva a assinatura do antológico diretor de filmes musicais David Millet (vale clicar aqui para checar o currículo do britânico que filmou inúmeros vídeos para Joan Jett, AC/DC, Billy Idol, Erasure e INXS).

Mesmo podendo haver pequenas mudanças, este é o mood do show de amanhã (no Rio de Janeiro, o Foo Fighters se apresenta no domingo; ainda passa por Belo Horizonte na próxima quarta-feira). Para você preparar o coração rock ‘n’ roll, segue o setlist da apresentação de Porto Alegre.

1) “Something from nothing”
2) “The pretender”
3) “Learn to fly”
4) “Breakout”
5) “Arlandria”
6) “Generator”
7) “My hero”
8) “Congregation”
9) “Walk”
10) “Cold day in the sun” (com “Daft Punk is playing at my house” e “Another one bites the dust”)
11) “In the clear”
12) “I’ll stick around”
13) “Monkey wrench”
14) “Skin and bones”
15) “Wheels”
16) “Times like these”
17) “Detroit rock city” (cover)
18) “Miss you” (cover)
19) “Stiff competition” (cover)
20) “Under pressure” (cover)
21) “All my life”
22) “These days”
23) “Rope”
24) “Outside”
25) “Best of you”
26) “Everlong”

20/01/2015_18:52

por IGOR FIDALGO

Não é de hoje que a linha Rock Tees é um sucesso de vendas. Alinhadíssima com o que o seu público inquieto e provocativo deseja consumir, a diretora criativa da ELLUS, Adriana Bozon, reedita t-shirts de bandas de rock temporada após temporada.

As estampas são clássicas (capas de discos e imagens icônicas ), mas as camisetas passam por variados processos de beneficiamento. Tudo para que a peça saia da loja com aquele toque podrinho que a gente ama.

Inspirados pelo SALE que colore nossas lojas e que incendeia a nossa Online Store, vamos contar a história por trás das imagens de uma t-shirt de cada banda. Duvidamos que conhecesse todos os detalhes!

TEE ROLLING STONES

O mugshot de Mick Jagger é um statement da cultura rocker. Arriscamos dizer que muitos jovens de alma rebelde (e até outros rock stars, por que não?) devem ter pensado (ou até de fato praticado) em promover algum tipo de delinquência para serem imortalizados nestes retratos marginais.

A foto acima data de 1967, quando Jagger foi preso por porte de entorpecentes. Ele tinha 23 anos quando foi detido na casa do parceiro Keith Richards, que também saiu algemado. Eles dormiram poucas noites na Penitenciária de Brixton, pois logo pagaram fiança e foram libertados.

Clique aqui para comprar a tee dos Rolling Stones na Online Store.

TEE RAMONES

A foto da camiseta acima reproduz uma capa alternativa para a coletânea dupla lançada em 1994. Segundo pesquisamos, a perna é mesmo de Joey Ramone.

Disponível também em versão masculina, a tee dos Ramones para as meninas tem as mangas cortadas e um aspecto vintage que faz a peça parecer que já tem anos de estrada. Puro charme.

Clique aqui para comprar a tee dos Romanos na Online Store.

TEE GUNS ‘N’ ROSES

A imagem que se tornou o símbolo do grupo liderado por Axl Rose apareceu pela primeira vez no compacto inglês de “Welcome to the jungle”, lançado no começo de 1988, e que vinha com “Nightrain” e “You’re crazy” (versão acústica). Foi novamente capa de single no final do mesmo ano: vinha “Sweet child o’ mine” em um lado e “It’s so easy” ao vivo no outro.

No antológico “Use you illusion”, de 1991, o print acima foi contracapa e, de tão representativo, ganhou fundo prateado para o “Greatest hits” lançado 14 anos depois.

Clique aqui para comprar a tee do Guns N’ Roses na Online Store.

14/10/2012_12:00

Era 1965 e a nova banda Rolling Stones viajava em tour pelos EUA. Ainda com a formação original com os 5 integrantes, Brian Jones tinha 22 anos na época e morreria logo depois, e Bill Wyman ainda era o baixista antes de Ron Woody, viajavam pela terceira vez pela América.

Os quase famosos ingleses hospedavam-se em um hotel de beira de estrada em Clearwater, na Florida e um fotógrafo anônimo eternizou momentos de Mick Jagger, Keith Richards e Charlie Watts tomando sol. As fotos foram encontradas há pouco tempo em uma feira vintage e descobertas inéditas. Diz a lenda que Jagger compôs os primeiros acordes de I can’t Get no Satisfaction nesse mesmo hotel nessa mesma época.

Um retrato de uma banda jovem, ainda longe dos holofotes da fama e que nem imaginava que se tornariam a maior e mais conhecida banda do mundo.

Se quiser saber mais sobre o começo dos Rolling Stones e o mistério em torno da morte de um dos fundadores, Brian Jones, assista o filme Stoned: A História Secreta dos Rolling Stones, uma bela viagem aos loucos anos 60.