Arquivo da tag: música

09/08/2014_09:00

por MARIANA BUARQUE

Amanhã é Dia dos Pais, mas nós, da SALA ELLUS, achamos que todo dia devia ser dia deles. Afinal, o que seria de nós sem os nossos? E você, que é pai, perguntamos: o que seria de você sem o seu filho? Divagando sobre esta relação tão comovente que une pais e filhos, montamos um top 3 de gadgets que vai fazer a felicidade do patriarca da família. Mas que você, ó filho pródigo, também vai amar experimentar.

Para coroar este post especial, a nova mixtape da ELLUS vem cheia de “fathers” e “sons”. A homenagem é para o seu herói, mas as músicas são para todo mundo, de ontem e hoje.

O FONE PODEROSO

Para ouvir música com qualidade de estúdio, a recém-lançada linha Level da Samsung pode ser a solução. O fone supra-auricular (nome para aquele modelo que cobre a orelha) Level Over possui uma tecnologia que cancela ruídos externos, é wireless e permite que os usuários equalizem o áudio por meio de um app disponível para Android.

O BARBEADOR GELADO

CoolTec, da marca Braun, é um aliado daqueles que têm pele irritada. É equipado com uma barra gelada de cerâmica que refresca e evita lesões, dispensando o uso de cremes e loções. O aparelho ainda conta com um mecanismo inteligente que, a um toque, recarrega a bateria, faz autolimpeza e lubrifica suas lâminas.

O SOFÁ BIÔNICO

Phillip Starck demorou alguns anos para aceitar o pedido da marca italiana Cassina para desenhar um sofá. Mas rolou: o primeiro mobiliário inteligente tem uma estação de entradas USB, com direito a sistema wirelles de refuel para recarregar o iPad ou laptop. Alinha MyWorld também está disponível em poltrona e chaise longue.

UMA PLAYLIST DE PAIS PARA FILHOS

The Tempations encontra com Will Smith e John Lennon na mixtape produzida especialmente para a data pela Tecla Music, a agência de music branding que prepara o som que você ouve nas lojas ELLUS de todo o Brasil. Além de “Papa was a rolling stone”, “Just the two of us” e “Beautiful boy (darling boy)”, respectivamente, a playlist ainda conta com hits patriarcais de Clarence Carter, The Kooks, Fire, Queen, Giorgio Moroder, John Lennon, Ben Kweller, TV On The Radio…

Chama o seu pai  (ou o seu filho, ora) e aperta o play! Bom domingo para vocês dois.

18/07/2013_13:34

Image Hosted by ImageShack.us

Saiba como foi a estreia da Sala Deep Beep no Centro Cultural Vergueiro em São Paulo, em parceria com a Ellus:

Acesse: saiba-como-foi-a-estreia-da-sala-deepbeep/

A Sala Ellus amou! Conheça o site deepbeep.com e ouça os sets dos Djs e personalidades amantes da música como nós. São mais de 700 horas de música non stop.  Enjoy it.

05/04/2012_16:10

Pedimos pra a agência Tecla Music Branding, gestora musical de nossas lojas, gravar um mixtape especial para a SALA ELLUS, com os hits que estão tocando agora nas nossas caixas de som. Ficou muito chic e uma delícia de ouvir.

Aperte o play e leia a entrevista que fizemos com a querida Lucia Jaimovich, uma das sócias da Tecla, os cariocas que espalham música boa pela cidade. Entenda mais sobre o tal “music branding”.

Audio MP3

1. Quando vocês começaram e por quê?
Nossas conversas começaram em 2007. A gente percebeu que as pessoas cada vez mais se interessavam e consumiam música. E também, que as marcas não estavam acompanhando esse movimento.

Na nossa experiência com marketing, a gente entendeu que existia essa abertura no mercado. Não existia nenhuma agência que orientasse as marcas quando o assunto fosse música; que as ajudasse a se expressar através do som, de estéticas sonoras, etc.

Daí criamos a TECLA, em 2008.

De lá para cá, o termo ‘music branding’ já foi bastante distorcido. O que fazemos vai bem além da trilha para as lojas. Mas claro, a gente ama fazer esse trabalho.

Para a moda no varejo, este é principal contato que o público tem com a marca – a experiência dentro da loja, escutar aquela música que ele adora ou que nunca ouviu, sorrir e perguntar para o vendedor ‘o que é isso que tá tocando’? Isso acontece muito e para a gente é extremamente gratificante ter esses feedbacks. É o nosso olhar, nossas pesquisas, chegando a quem tem que chegar: os clientes dos nossos clientes.

 2. Os envolvidos com a tecla são djs, ou eram djs que abriram as portas para a internet?
Léo (Léo Hazan), Satta (Paulo Sattamini) e eu somos amigos desde a infância e sempre tivemos em comum a paixão por música.

Eu e Léo estudamos marketing juntos na faculdade. Eu sempre fui ligada em marketing sensorial, quando trabalhava com eventos corporativos e depois, como gerente de marketing de uma marca de moda aqui no Rio.  Enquanto isso, o Léo via o mercado de Telecom de dentro e acompanhou surgimento do Mobile no país.

O Satta estudou publicidade, se especializou em produção musical e tinha empreendido numa outra área. Mas desde muito cedo, ele sempre recebia pedidos de amigos para passar dicas de música, encher o iPod, essas coisas. Depois esses pedidos começaram a vir de produtoras de video para trilhar programas, outros para tocar em festas, e aí ele começou a entender que poderia viver do que mais amava.

O Satta é o nosso diretor de criação. É ele quem comanda as pesquisas e as trilhas para os clientes aqui na TECLA.

E foi juntando nossas especialidades – Satta com a pesquisa, Léo com o mercado, soluções e interatividade e eu com o sensorial, que vimos que o time estava completo para começar.

Paralelamente, desde 2007, Satta e eu fazemos parte de CALZONE, um coletivo de DJs que o João Brasil (mago dos mashups), Bruno Natal, Pedro Seiler e Lucas Bori (criadores do Queremos) e Filipe Raposo, que é diretor de criação de uma agência aqui no Rio, também são integrantes.

 3. Nos dê um panorama geral do que tá rolando agora em nossas lojas, de música e tendência.
Para a mixtape, garimpamos dentro do repertório que está tocando nas lojas e juntamos algumas faixas que tem sido super bem faladas como esse remix da Lana Del Rey, que abre a mixtape, e esse de Love Is The Drug, do Roxy Music. Tem também uns artistas que não podem ficar de fora, que o público já reconhece a estética e a sonoridade, que são a cara da Ellus e que estão de disco novo; como Santigold, Ting Tings, Chairlift, e Miike SNow – que a gente adora e ajudou a trazer com o primeiro Queremos que rolou, em 2010. No geral, a mixtape está com uma vibe bem upbeat e feliz, e também com uma pegada da alma rock n’ roll que a Ellus carrega, sem perder o clima sexy e sofisticado, que pra mim, o Little Dragon faz melhor que ninguém. Sou muito fã!

Playlist:

Born To Die (Mattanoll Final Remix) Lana Del Rey
Alligator
Tegan and Sara
Disparate Youth
Santigold
Helena Beat Foster the People
Happiness
Sam Sparro
Shuffle A Dream
Little Dragon
Body Rock
Best Friends
Paddling Out
Miike Snow
One By One
The Ting Tings
Now Now Now (The C90s Remix) The Penelopes
05/04/2012_15:15

Se você não conseguiu seu ingresso para o festival, ou quiser dar uma esticadinha, ainda dá tempo de ver mais de perto duas bandas queridas dos moderninhos.

O Cine Joia promove o Lollaparty com Friendly Fires no sábado. Ainda há ingressos disponíveis e no Joia dá pra assistir bem de pertinho com todo conforto de uma casa de show.Já o concorrido Foster The People está no Lollaparty de hoje lá no Joia. Os ingressos desapareceram super rápido. Então se você não garantiu o seu, resta uma chance de dançar o dj set deles no Club Yacht na sexta feira, amanhã (6/4) na festa Hashtag, que promete ser bem fervida.

Anota aí:

No Cine Joia:

Praça Carlos Gomes, 82, Liberdade, São Paulo

Lollaparty com Foster the People
Data: 5 de abril

 

Lollaparty com Friendly Fires
Data: 7 de abril
Os ingressos para as Lollaparties serão vendidos pela Showcard e estarão à venda a partir do dia 05/03, via internet, no www.showcard.com.br e e no ponto de venda físico a seguir.

Avenida Brigadeiro Luiz Antonio , 277 – 2º andar sala 26
Horário de atendimento : de Segunda a Sexta, das 10 às 18
Formas de Pagamento : dinheiro , cartões de débito e crédito Visa, Master, Dinners e Amex (todas as bandeiras atendidas pela Cielo)

No Club Yacht:

Foster The People Dj set

Data: 6 de abril

Rua 13 de maio, 701 – Bela Vista – São Paulo
Preço:
Os ingressos podem ser comprados na aba “compre o seu ingresso” da página de Facebook do Club Yacht por R$60.
R$80 na porta.

30/03/2012_15:49

E em formato diferente.  Agora vai se chamar Movimento Hot Spot e será um concurso cultural  que além de  fomentar talentos vai também premiá-los, percorrendo o Brasil por 17 cidades em etapas eliminatórias ja agendadas. A Luminosidade de Paulo Borges criadora do original continua no comando.

Interessante e grandioso, é um projeto diferente do anterior, uma semana de moda que lançava novos estilistas entre 2003 e 2008 e revelou nomes como Neon, Amapo e Fabia Bercsek.

São 11 categorias concorrendo: design, moda, fotografia, arquitetura, beleza, ilustração, design gráfico, filme e vídeo, música, cenografia e ideia, e as inscricões serão feitas via on line no site http://movimentohotspot.com/ até dia 15 de maio. A final esta prevista pra maio de 2013. Portanto fique atento!

Moda vai ser premiada com R$ 150.000 e ganha desfile no Fashion Rio ou no São Paulo Fashion Week. A melhor proposta ou ideia ganha R$ 200.000 para investir sua marca no mercado.  O vencedor de cada categoria leva pra casa R$ 10.000.

Entre os curadores estão Suzana Barbosa, Bob Wolfeson, Speto, Paulo Martinez e Marcelo Rosembaum. Um time eclético e profissional que só vai agitar ainda mais a moda brasileira. Bem vindo de volta, Hot Spot!