Arquivo da tag: ellus

02/03/2015_10:00

Como de costume, a quarta edição do Jornal ELLUS adiantou os temas e as tendências da nossa coleção de inverno 2015. Em suas páginas, você pode conferir uma série de editoriais — alguns deles, estrelados pela top Carol Trentini e pelo ator Cauã Reymond — que ilustram uma história que vem sendo contada desde novembro com o desfile na São Paulo Fashion Week.

Prepare-se: o inverno da ELLUS está muito elegante e cosmopolita, com aquela pegada urbana e cool que é a nossa cara.

A Praça das Artes foi o cenário escolhido para o desfile. Inspirada nas gangues de rua oriundas dos anos 1980 (como já contamos aqui), a coleção atualizou o jeans com aplicação de paetês transparentes (que mantêm a textura do material, garantindo um brilho além), bordados de patches e lavagens tipo used (beneficiamento que deixa as peças com aspecto de usado).

Destacaram-se também os itens de couro emborrachado e vinil, as formas infladas e o pontos de cores em neon. No Jornal ELLUS, vemos o complemento comercial desta história: o jogging denim é jeans construído por meio de uma tecnologia inovadora onde, na camada interna, o toque é de moletom; por fora, se mantém as características essenciais do famoso jeans premium da ELLUS. 

Em contraste com a rebeldia das gangues, temos as peças em laundry twill, nome da cartela principal dessa estação (cáqui, camelo, terra, tabaco). Em cena, uma pegada nômade e aventureira com shapes militaristas.

Inspirada no trabalho do artista urbano Stephen Sprouse, a padronagem camuflada ganha releituras artsy, como o padrão clássico em tons de verde com acento fluo. O neon aparece também em vestidos e calças em cortes de alfaiataria, sofisticando ainda mais a inspiração do grafite.

Algumas das nossas lojas já estão renovadas com a coleção, mas todo o desejo acerca da moda referenciada pela transgressão da juventude criativa da décadas de 1970 e 1980 estão à sua disposição, a um clique: alinhada com o poder de decisão da sociedade cosmopolita do século XXI, a coleção de inverno da ELLUS já está disponível na nossa Online Store.

Navegue: leia o jornal, consuma os editoriais e assista o nosso fashion film para entender como a a ELLUS reforça a sua essência provocativa e sofisticada ao dar tratamento de luxo à moda de rua.

28/02/2015_13:41

por ALEXIA CHLAMTAC

O verão está dando adeus e a gente não perde tempo: a coleção do inverno 2015 da ELLUS chega às lojas na próxima segunda-feira. Enquanto o frio intenso não chega, saiba que é possível aproveitar a nossa Sale da Online Store para adquirir peças que ainda vão bater um bolão na próxima estação.

Prints artísticos, couro e xadrezes vão ser palavras de ordem no nosso inverno. Vem ver o que encontramos para vocês.

Clique aqui para comprar a camisa na Online Store.

A camisa xadrez é essencial no guarda-roupa de qualquer amante ou admiradora do punk e do grunge, movimentos que fizeram a cabeça de homens e mulheres nos anos 1980 e 1990. Insight: o tom azulado da peça acima acende produções mais escuras — que sempre predominam no inverno.

Clique aqui para comprar a blusa na Online Store.

A blusa de couro é um aperitivo do nosso inverno. A modelagem godê saiu da saia para o top e foi destaque no verão, mas, como anunciamos, não se preocupe: a peça com modelagem que esbanja informação de moda vai perdurar por muitas estações ainda.

Clique aqui para comprar o top na Online Store.

A blusa de alça dupla tem print com textura espatulada que nos lembra o grafite, uma das inspirações do inverno 2015 da ELLUS. Olhe bem a peça: não parece que serviu de tela branca para a obra de um artista urbano?

Clique aqui para comprar a camiseta na Online Store.

Ninguém sabe ainda, mas nós, da Sala ELLUS, vamos adiantar: neste inverno, a ELLUS lança uma cartela de tons terrosos batizada de Laundry Twill. Assim, a camiseta acima é aposta certa para os homens antenados.

27/02/2015_12:00

Como você sabe, o inverno 2015 da Ellus teve inspiração nas gangues das grandes metrópoles e na cultura de rua do final dos anos 1970 e começo da década de 80.

No nosso desfile da São Paulo Fashion Week, a influência pode ser vista nas formas infladas, no colorido em neon, nas correntes e na estamparia, que revisitou o grafite.

O ponto de partida para a coleção que chega nas lojas da ELLUS de todo o Brasil a partir do dia 2 foi o filme “The Warriors”, de 1979, dirigido por Walter Hill.

O longa , que conta a história de um grupo de adolescentes perseguido por conta de uma acusação injusta, traz dois dos temas mais fortes da coleção: gangues e cultura de rua.

É das ruas, aliás, que vêm os prints do inverno 2015, diretamente inspirados pelos traços superpops de Stephen Sprouse, Keith Haring e Jean-Michel Basquiat. 

E também da onde saíram os patches, o jeans com lavagens desgastadas, os casacos de motocross e a bomber jacket, destaques da coleção.

Para o desfile, a trilha sonora assinada pelo inglês Nick Graham Smith foi das ruas para a passarelas, sem jet leg.

De Michael Jackson a Kanye West, o set list mixava batidas marcantes com metais cheio de atitude. A cara do nosso inverno, a cara da ELLUS.

19/11/2014_19:18
Ontem o Mickey Mouse fez 86 anos e, para comemorar seu aniversário, a Ellus armou uma festa na loja do Shopping Iguatemi, em São Paulo, com doces temáticos do Atelier Mariza Doces.
O b.day teve também lançamento  da coleção de camisetas com estampa do personagem, que inclui uma linha de produtos feitos em parceria com a ONG Orientavida – bonecos do  Mickey, almofadas e lenços -, cuja venda será revertida para a instituição.
Essa semana rolou também mais uma edição do ELLUS Special Day, no Shopping Morumbi. Victor Hugo Alvarez recebeu os convidados para a noite especial, com coquetel e novas peças da coleção.
Em nossa página do Facebook, você pode ver as fotos dos dois eventos.
17/11/2014_14:41

por ALEXIA CHLAMTAC

Yves Saint Laurent foi tema de duas cinebiografias este ano: “Yves Saint Laurent”, lançada no começo do ano, e “Saint Laurent”, que estreou na semana passada. Essa última não foi autorizada, mas é a que melhor conta a vida do designer, tanto que foi indicada ao Oscar 2015 na categoria de melhor filme estrangeiro.

O longa, dirigido por Bertrand Bonello (“O Pornográfico”, 2001), faz um recorte histórico entre os anos 1967 a 1976, abordando a importância do legado do estilista francês nascido na Argélia.

De acordo com Bonello, a narrativa foi centrada entre o final dos anos 1960 e 1970 porque o período, além de ter sido uma época de efervescência cultural e política no mundo, representa o auge criativo de Saint Laurent.

O ator Gaspard Ulliel dá vida ao estilista, que se mostra um personagem fascinante e complexo, atormentado diante da fama e da fortuna, tentando sanar suas inseguranças através do abuso de drogas e álcool.

O filme não teve apoio de Pierre Bergé, companheiro e sócio de YSL por muitos anos, o que atrasou as filmagens e fez com que o filme sofresse reajuste. Entretanto, foi graças a esse fato que ele teve maior liberdade para escrever o roteiro como queria.

O longa-metragem conta ainda com a participação da atriz Léa Seydoux, que interpreta a grande musa do estilista, Loulou de la Falaise,; de Aymeline Valade interpretando sua amiga e modelo Betty Catroux; além de Jérémie Renier, que interpreta Pierre Bergé, e o ator Louis Garrel encenando a figura de Jacques de Bascher, um bon vivant que tinha um caso com o também estilista Karl Lagerfeld e por quem o designer se apaixonou nos anos 1970, levando-o a uma turbulenta separação de Bergé.

O passeio feito pelo diretor através da vida de sexo, drogas e alta-costura do estilista dá destaque às zonas de sombra da vida do personagem. O estilista, em estado melancólico, observa o apagar das luzes de um império que ele não representa mais.