• 13/05/2016_09:00

    Olhando para o histórico das nossas campanhas, é fácil perceber um perfil comum a todas elas: forte, sexy e poderoso. Para a campanha de 2006, há exatamente 10 anos, a Ellus lançava sua coleção de verão, com ninguém menos do que a icônica Fernanda Torres.

    Foi a primeira vez que a atriz foi clicada para uma campanha de moda, assumindo o lugar já ocupado por estrelas como Xuxa e Daniela Cicarelli. Apesar de não ter desfilado, a versátil atriz-escritora atraiu a atenção de todos os que estavam presentes no desfile. “Achei o maior barato isso, sempre gostei da Ellus”, disse ela na época.

    O cenário reproduzia um loft e a atriz encarnava uma mulher que acabara de acordar na casa do namorado. Clicada pelo fotógrafo Miro, o resultado foi uma série que traduzia muito bem o conceito da coleção.

    Sempre bem-humorada, Fernanda conquistou toda a equipe, e gostou tanto da coleção que levou uma mala cheia — inclusive com a camisa branca de alfaiataria e o jeans usados na campanha — para a turnê que fez pelo Brasil com a peça baseada no livro homônimo de João Ubaldo Ribeiro, “A Casa dos Budas Ditosos”.

    06/05/2016_09:00

    A Ellus desfilou sua coleção Primavera/Verão 2017, encerrando com chave de ouro o último dia de desfiles da edição de número 41, da São Paulo Fashion Week. Batizada de “Ellus Digital Wave”, a coleção tem como ponto de partida uma viagem ao Havaí para propor um mergulho no que há de mais atual no universo jovem e digital.

    A diretora de criação Adriana Bozon e o estilista Rodolfo Souza remixaram trajes da cultura nativa, roupas esportivas dos surfistas, o inevitável biquíni, leves referências 40′s e militares. A esse caldeirão havaiano foi adicionado o espírito rocker e urbano característico da marca.

    O site de moda “FFW” destacou as franjas havaianas, normalmente usadas em saias, mas que nesta coleção foram parar nos tops ombro a ombro. Outro highlight, segundo o portal, foi a renda resinada, que perdeu o aspecto handmade, ganhando um perfume tecnológico que reforçou o conceito da coleção. Mas o que causou frisson mesmo foram as sandálias usadas tanto no masculino quanto no feminino. O site sentenciou: “dá vontade de usar agora”.

    Já a Vogue Brasil citou a versão desconstruída da jaqueta de couro perfecto — um ícone da marca —, só que desta vez, dando vida a boleros ombro a ombro e vestidinhos com babados. “Uma ótima maneira de vestir o romântico em versão hardcore nada açucarada”, avaliou o site.

    A Elle elogiou a habilidade de misturar a referência havaiana, presente principalmente nas estampas florais, com a estética rock and roll, que veio nos tops cropped com animal print. Tudo vibrando em total sintonia com o DNA da marca.

    Um dos destaques citados pela editora de moda Lilian Pacce foi o vestido de couro preto usado por Daiane Conterato. Outro look destacado pela especialista foi o vestido de sarja de cor castanho-militar com bolso utilitário, zíper e canelado preto, que em suas palavras, “é altamente desejável”.

    04/05/2016_09:00

    A Ellus 2nd Floor retornou às passarelas da São Paulo Fashion Week em total alinhamento às mais recentes e importantes mudanças no mercado de moda atual. Pela primeiras vez, toda a coleção apresentada no desfile foi colocada à venda em uma pop store no Shopping Iguatemi, em São Paulo.

    “Sempre acreditamos no novo e queremos nos manter atualizados com as vontades de nossos consumidores”, conta a diretora de criação, Adriana Bozon, sobre os primeiros movimentos da marca em direção desse novo formato, o “see now buy now”.Esse novo formato acaba com aquela ansiedade horrível de assistir ao desfile, gostar das roupas,e precisar esperar até seis meses para poder usar os looks. O sofrimento acabou. Passa lá na nossa pop-up store e se joga!

    O ponto de partida da coleção foi a icônica série vintage “Batman Classic TV Series”, de 1966, que serviu também como intepretação para um repertório gráfico e urbano. “Pensamos numa Gotham City atual, a partir daí, trabalhamos com diversos elementos do nosso dia a dia”, explica o estilista Thiago Marcon.

    Ainda com a luz apagada, viase apenas um néon aceso com o nome da marca e alguns elementos cênicos bem representativos das metrópoles contemporâneas, como cones e cavaletes de trânsito. Essa foi a deixa para o que viria a seguir: pichações se transformaram em estampas e sinais de trânsito em patches ao lado das personagens da série, em versão super cool, quase como emojis.

    Das ruas das cidades vêm também a cartela de cores, predominando os cinzas e os tons escuros, com pontos de amarelo e vermelho, e os motivos de grafite, assinados em parceria com o artista Tico Canatto. Nos tecidos, malhas e couros, reforçam a silhueta levemente estruturada que marca a estação.

    Entre os acessórios, dois modelos de bolsas, sapatos pesados e óculos tipo gatinho para arremetar o visual sempre jovem da label — que, agora, sai direto da passarela para ganhar vida nos corpos dos cidadãos e cidadãs mais espertos.

    08/04/2016_10:00

    Há uma essência indescritivelmente identificável no rock clássico. O que constitui a alma desse  estilo musical, especificamente, não sabemos, mas provavelmente tem algo a ver com a familiaridade: desde vocais inesquecíveis até os riffs de guitarra.

    Com o poder de amplificar mares de pessoas, o rock tradicional, que existe do período dos anos 50 aos anos 80 — e timidamente nos anos 90 —  é uma celebração das músicas que todo mundo conhece e dificilmente desgosta.

    De acordo com o blog musical FiveThirtyEight, artistas consagrados como Led Zeppelin, Aerosmith e Rolling Stones compõem 50% das faixas tocadas em estações de rock clássico americanas.

    Na playlist dessa semana, nenhum mestre foi deixado de fora: AC/DC, The Who, Alice Cooper, The Doors, Pink Floyd e Black Sabbath dividem espaço com Queen, Jimi Hendrix, The Police, Guns N’ Roses e The Clash. Então não tenha dúvidas: aperta o play e curte a playlist mais deliciosa e democrática que você vai encontrar hoje.

    28/03/2016_13:30

    Com a chegada da #ELLUSSportdlx, a Ellus começou o ano na linha de frente, ganhando destaque em diversas revistas especializadas em moda no mês de março. 

    evento de lançamento da nova coleção reuniu editores de moda como o time da WGSN, que descreveu as linhas que estrearam como “urbanas e esportivas”; Harper’s Bazaar, Vogue, Site RG, L’Officiel, Marie Claire e Revista Estilo deram ênfase ao distinto Adidas Tubular Defiant; já a Elle publicou uma foto da top Vivi Orth na private party que aconteceu depois, no Chez Oscar, posando com o tênis-lançamento; a GQ, além de promover o tênis, celebrou o lançamento da coleção.

    As novidades da marca estiveram em eminência nos editoriais de publicação das revistas Harper’s Bazaar (com jaqueta, top, short e botas, tudo Ellus), Cláudia (saia de neoprene metalizado e um look preto total Ellus), Cosmopolitan (top e short Ellus) e Elle (jaqueta de couro, top e hot pants, configurando um visual total Ellus) — a última ainda adiantou os trends introduzidos no SPFW, descrevendo a abordagem da Ellus como “mais moderna e elegante”.

    Além da Glamour, que salientou a nova identidade da Ellus na capa de março (com top e vestido Ellus), a musa do rap brasileiro, Karol Conká, apareceu com um look super Ellus no programa Altas Horas, colocando a fresca coleção em evidência.

    A diretora criativa Adriana Bozon e o estilista Rodolfo Souza, em aspas para a Revista Estilo, fundamentaram: “Essa tendência é uma resposta ao que tem sido visto nas ruas do mundo todo”. A revista descreveu a mulher Ellus como “urbana, ativa e com uma agenda lotada de compromissos”, “deseja conforto, mas não abre mão da elegância”.

  • Doois Sites e Sistemas